Cidadania Italiana passo a passo

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Se você é descendente de italianos provavelmente já pensou em tirar a cidadania italiana. E isso é possível. Claro que pode levar algum tempo e ser um pouco burocrático, afinal você precisa fazer tudo conforme a lei italiana. Saiba aqui como fazer o processo de cidadania italiana passo a passo pela via administrativa!

O interessante é que para obter a cidadania italiana não existe limite de geração, o que permite que qualquer um que tenha ascendência italiana possa solicitar. Ou seja, isso facilita muito o processo de cidadania italiana. Só que é preciso paciência para organizar todos os documentos.

Passo a passo Cidadania Italiana

Se você tem descendência de família italiana pode solicitar rapidamente a cidadania italiana. Porém, somente reunindo todos os documentos é possível confirmar se o requerente tem direito. Com a dupla cidadania italiana, você pode morar, estudar e trabalhar na Itália e em qualquer país membro da União Europeia.

Aprenda como iniciar o processo de dupla cidadania, as etapas e o tempo que cada passo demora. Assim, você já terá uma noção dos documentos que precisa, onde deve encaminhar, e como proceder.

Antes de contar para você todos os detalhes de cada etapa, é importante saber quais são os documentos necessários para o processo da cidadania italiana.

parte no brasil passo a passo cidadania italiana

Parte do Processo no Brasil

Passo 1- Pesquisa de documentos no Brasil e It√°lia:

Antes de mais nada, é necessário comprovar a ascendência italiana e ver se você realmente tem direito à nacionalidade italiana. Caso o seu antenato italiano tenha se naturalizado brasileiro, você pode perder esse direito.

Essa pesquisa pode levar de 3 a 6 meses, dependendo da dificuldade. Quanto mais distante está o ascendente, mais documentos serão necessários para comprovar a sua descendência.

Aconselhamos iniciar a pesquisa de documentos come√ßando pelas certid√Ķes do requerente, at√© localizar a certid√£o de nascimento italiana. N√£o esque√ßa que todas as certid√Ķes devem ser emitidas em inteiro teor.

Aprenda como montar sua árvore genealógica e localizar os documentos para o reconhecimento da dupla cidadania.

O que fazer se n√£o encontrar algum documento?

Passo 2- An√°lise documental:

Após reunir todos os documentos emitidos em inteiro teor, é hora de realizar a análise dos documentos. E você certamente pensou que pode fazer isso sozinho para economizar um pouco. Tenha precaução! 

Você deve conhecer as exigências da lei 91/92 para transmissão de direito de uma geração para outra e assim estar seguro que pode iniciar a preparação dos documentos para o início do processo de cidadania italiana. 

Além disso, tenha presente que na análise devem ser verificados todos os erros contidos nos documentos, que possam colocar em risco o seu reconhecimento. 

Passo 3- Retifica√ß√Ķes dos registros civis e religiosos:

Ap√≥s reunir todos os documentos, comprovar o seu direito a ser italiano, √© necess√°rio iniciar a corre√ß√£o das certid√Ķes, caso haja diferen√ßas de nomes, datas, idades, sobrenomes, localidades, etc.

Nova normativa instrui aos oficiais anagrafes a n√£o aceitarem documentos com diferen√ßas e erros, tendo em vista in√ļmeros documentos falsos apresentados, bem como documentos n√£o retificados, e portanto, h√° risco de que n√£o seja a mesma pessoa que o requerente afirma ser.

As retifica√ß√Ķes devem ser solicitadas no cart√≥rio onde a certid√£o est√° registrada. O prazo depende da demanda de trabalho que o cart√≥rio possui. Pode variar muito da corre√ß√£o extra judicial para a corre√ß√£o pela via judicial. Extra judicial, a retifica√ß√£o tende a ser conclu√≠da entre 5 e 30 dias.

Vale lembrar que¬† o artigo 110 da Lei n. 6.015/73 com sua nova reda√ß√£o que lhe foi dada pela Lei Federal n¬ļ 13.484/2017, da poder ao registro civil de realizar ou n√£o a retifica√ß√£o, tendo em vista a gravidade dos erros.¬†

Caso o cart√≥rio se negue a retificar seus documentos, procure advogado/empresa especialista e conhecedora da lei italiana para a execu√ß√£o das retifica√ß√Ķes judiciais.

Ap√≥s conclu√≠das as corre√ß√Ķes, devem ser emitidas novas vias em inteiro teor de todas as certid√Ķes agora corretas.

Passo 4 - Apostila de documentos:

Com os documentos já retificados em mãos, você já pode iniciar o apostilamento dos documentos. Tenha cuidado com a validade, não apostile e traduza muitos meses antes de iniciar o reconhecimento. 

Sobre a apostila de Haia, ela é realizada normalmente no mesmo dia ou poucos dias depois que os documentos são apresentados. A apostila de Haia confere validade a um documento brasileiro na Itália e em demais países membros da Convenção de Haia.

O apostilamento é realizado pelos maiores cartórios brasileiros, portanto não são todos que estão cadastrados para realizar esse procedimento.

Importante: muitos comunes exigem que sejam apostilados os documentos brasileiros e posteriormente apostilar as tradu√ß√Ķes juramentadas.

Passo 5- Tradu√ß√Ķes de documentos:

Esta processo pode levar de uma semana a um m√™s, dependendo do trabalho que tenha o tradutor. Ent√£o se faz a tradu√ß√£o juramentada das certid√Ķes, e por fim, fazer o apostilamento (legaliza√ß√£o) em um cart√≥rio autorizado.

√Č poss√≠vel encontrar a lista de tradutores juramentados no seu estado no site da Junta Comercial. Importante ter presente que, se as tradu√ß√Ķes forem realizadas na It√°lia, elas n√£o precisar√£o ser apostiladas, pois j√° ser√£o reconhecidas no Tribunal de Justi√ßa Italiano.¬†

Ainda, lembre de reconhecer firma do tradutor, se realizar as tradu√ß√Ķes no Brasil. A tradu√ß√£o √© um documento privado, n√£o p√ļblico e portanto, mais dif√≠cil de o oficial comprovar a autenticidade.

bandeira italia para cidadania italiana

Parte do Processo na It√°lia

Passo 6 - Declaração de Presença

Se você tem direito ao reconhecimento da cidadania italiana pela via administrativa e optará pelo reconhecimento diretamente na Itália, é necessário que tenha em conta esse passo. 

A declaração de presença é necessária se você entrar no Espaço Schegen por outro país que não seja a Itália. Por exemplo, você sai do Brasil, faz escala em Portugal e chega à Itália. Nesse caso, após chegar na Itália, tem 8 dias para fazer a declaração, comprovando a data de entrada, junto à Polícia.

Passo 7 - Tirar o Codice fiscale:

O CF √© o CPF italiano. O n√ļmero, normalmente, √© emitido no mesmo dia em que √© feita a solicita√ß√£o, logo ap√≥s a chegada no requerente na It√°lia.

Documento imprescindível para todas as demais etapas do reconhecimento da cidadania italiana.

Passo 8- Confirmação de residência pelo vigile:

Após ter o códice fiscale em mãos, alguns oficiais verificam os documentos para posteriormente iniciar o processo de residência. 

Outros por sua vez, inciam o processo de residência e depois fazem a verificação dos documentos. Fato é que, antes ou depois da análise dos documentos por parte do oficial do comune, se faz obrigatória a declaração de residência junto ao comune. O prazo máximo estipulado por lei é de 45 dias para que haja a visita do Vigile na residência.

Passo 9 - Carta de N√£o Renuncia (NR):

Uma vez confirmada a residência, terá início o processo de dupla cidadania italiana. Essa etapa depende também do consulado italiano no Brasil, podendo variar entre 15 e 90 dias.

A non-renuncia, nada mais é que a confirmação por parte do consulado de que nenhuma pessoa da linha de transmissão da cidadania italiana renunciou à cidadania italiana.

Passo 10 - Transcri√ß√£o das certid√Ķes e emiss√£o da identidade:

Recebida a non-rinuncia, o comune procede com a conclus√£o do seu reconhecimento. Ser√£o transcritas a certid√£o de nascimento e se for o caso, tamb√©m o casamento do requerente. Al√©m disso, √© solicitada a emiss√£o da carta d‚Äôidentit√† italiana. Tais transcri√ß√Ķes demoram de acordo com a disponibilidade de tempo por parte do comune.¬†

A identidade normalmente √© entregue em um per√≠odo ode 7 dias √ļteis.

A espera e solicitação do passaporte italiano na Itália é opcional. Ele pode ser solicitado em qualquer consulado italiano, no país que estiver residindo.

Passo 11: Parabéns você e Italiano!

A partir desse momento, o requerente é considerado cidadão italiano desde o nascimento.

 

Se voc√™ tem pressa em conseguir a cidadania italiana, e seu direito confere a possibilidade de ser cidad√£o italiano por via administrativa, recomendamos que v√° direto √† It√°lia para realizar o tr√Ęmite. Diretamente na It√°lia com aux√≠lio de assessoria especializada, o processo dura em torno a 90 dias.

E não se esqueça que todos os documentos, inclusive a CNN (Certidão Negativa de Naturalização), devem ser traduzidos por tradutor juramentado, além de estarem retificados e apostilados.

Como sempre afirmamos, é fácil de fazer a cidadania italiana, mas é verdade que implica tempo e burocracia. Por isso, muitos optam em contratar uma assessoria especializada, porque neste caso você não precisa se preocupar com processo. Você receberá toda a ajuda para tirar a cidadania italiana, até obter o passaporte vermelho.

Passo 12- N√£o esque√ßa das suas obriga√ß√Ķes!

Uma das suas obriga√ß√Ķes enquanto cidad√£o italiano √© manter o seu AIRE atualizado. Mas o que √© isso?

O AIRE (Anagrafe degli Italiani Residenti all’Estero), √© a informa√ß√£o do seu endere√ßo de resid√™ncia. Vamos supor que concluindo a cidadania, voc√™ decida residir na Irlanda. Voc√™ deve registrar sua resid√™ncia no consulado italiano de Dublin, enviando al√©m de uma c√≥pia da sua identidade italiana, tamb√©m um comprovante de endere√ßo.

Ver Vídeo de como conseguir Cidadania Italiana passo a passo na Itália

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest

√ćndice de conte√ļdo

Pode ser do seu interesse!

2 respostas

  1. Meu filho reuniu toda a documentação e esteve na Itália no ano passado. Tentou encaminhar por lá na nossa comuna de origem (Asolo), por adesão processo de um primo que já tem cidadania italiana. Não deu certo. Agora, pretendo encaminhar por aqui, via consulado em Porto Alegre. Ele mora lá.
    Qual seria o procedimento e o custo, j√° que teria a orienta√ß√£o, a an√°lise e tradu√ß√£o de documentos, etc…?

    1. Ola Voner, tudo bem? vamos enviar uma mensagem para seu email ou se e possivel pode entrar em contato em nosso whatsapp http://bit.ly/39KvQJP para explicar certinho o passo a passo da cidadania italiana pelo consulado ou outra possibilidades que vocês podem fazer!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de coment√°rios s√£o processados.